Item 2023-05-12/223 - Ernesto Rodrigues Vieira

image00002.jpg image00003.jpg image00004.jpg image00005.jpg image00006.jpg image00007.jpg image00008.jpg image00009.jpg image00010.jpg image00011.jpg
Resultados 1 até 10 de 28 Mostrar tudo

Área de identificação

Código de referência

BR BR SEAGJSE TJSE BR SEAGJSE TJSE-TJSE-TJSE-2023-07-20/435-2023-07-20/435-2023-07-20/435-2023-05-11/221-2023-05-12/223

Título

Ernesto Rodrigues Vieira

Data(s)

  • 1899-02-09 (Produção)

Nível de descrição

Item

Dimensão e suporte

Papel
Manuscrito
49 páginas

Área de contextualização

História do arquivo

O Processo tramitou na Comarca de Aracaju, Cartório do 1º Ofício

Procedência

Partes: Ernesto Rodrigues Vieira - Inventariado
Simião Telles de Menezes Sobral Inventariante

Área de conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Inventário sem testamento, constando entre outros bens, sítio denominado Chica Chaves com casa à margem do Rio Cotinguiba, sítio denominado Urubu com casa, parte do sítio denominado Lagoa Seca em Maroim, terreno situado em Aracaju, letras, dinheiro.

Avaliação, selecção e eliminação

Os autos dos processos judiciais distribuídos em data anterior a 01 de janeiro de 1986 são considerados de valor histórico e terão como destinação final a guarda permanente.Resolução 38/2012 revogada pela Resolução Nº 01, de 25 de fevereiro de 2022. https://www.tjse.jus.br/tjnet/publicacoes/visualizar_publicacao.wsp?tmp.idPublicacao=56149 ,https://www.tjse.jus.br/tjnet/publicacoes/visualizar_publicacao.wsp?tmp.idPublicacao=71890

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

O Sistema de Arranjo adotado para Área-fim é o Instrumento de Diretrizes para Identificação e Classificação de Acervos Judiciais Permanentes- https://www.tjse.jus.br/arquivojudiciario/arquivos/documentos/instrumentos/diretrizes/agrupamento_tipologico.pdf.
Sendo assim, os documentos estão classificados por assunto e unidade produtora.

Área de condições de acesso e uso

Condições de acesso

Processo Judicial disponível para acesso.

Condiçoes de reprodução

Os documentos textuais podem ser reproduzidos por via fotográfica ou digital. A reprodução é autorizada com compromisso de crédito.

Idioma do material

  • português do Brasil

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Processo original, completo, em bom estado de conservação.

Instrumentos de descrição

O ATOM é utilizado para descrição do acervo histórico do Fundo TJSE.

Instrumento de pesquisa gerado

Área de documentação associada

Existência e localização de originais

Caixa 03/2085
Localização: A1-M6-P1

Existência e localização de cópias

Documento Digitalizado

Unidades de descrição relacionadas

TJSE
Aracaju
Área Judicial
Série Cível

Descrições relacionadas

Área de notas

Identificador(es) alternativos

Pontos de acesso

Pontos de acesso de assunto

Ponto de acesso nome

Pontos de acesso de gênero

Área de controle da descrição

Identificador da descrição

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

CONSELHO INTERNACIONAL DE ARQUIVOS. ISAD(G): Norma geral internacional de descrição arquivística: 2. ed., Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2000..
CONSELHO INTERNACIONAL DE ARQUIVOS. ISAAR (CPF): norma internacional de registro de autoridade arquivística para entidades coletivas, pessoas e famílias. Tradução de Vitor Manoel Marques da Fonseca. 2. ed., Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2004..
CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS. NOBRADE: Norma Brasileira de Descrição Arquivística. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2006.

Status

Nível de detalhamento

Datas de criação, revisão, eliminação

Idioma(s)

Sistema(s) de escrita(s)

Fontes

Lei de Organização Judiciária do TJSE
Regimento Interno do TJSE
Diretrizes para Identificação e Classificação de acervos Judiciais Permanentes

Nota do arquivista

Processo descrito por Carla Moraes Leal

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Gêneros relacionados